Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Se eu mandasse nisto

Se o mundo anda ao contrário, se as pessoas andam com as ideias trocadas, se as prioridades andam invertidas, se os deuses andam loucos, haja alguém para mandar nisto, por favor.

Se o mundo anda ao contrário, se as pessoas andam com as ideias trocadas, se as prioridades andam invertidas, se os deuses andam loucos, haja alguém para mandar nisto, por favor.

Se eu mandasse nisto

22
Jan18

Nos meus orgãos mando eu.

Eu

No nosso país, a declaração para se ser dador de orgãos após a morte, está assinada à partida. A doação após a morte é regra no nosso país e faz com que estejamos no topo em matéria de doação e transplantes. 

Quer isto dizer que, quem optar por ir para a cova ou para o crematório com tudo o que é seu, tem de se inscrever no Registo Nacional de Não Dadores. Não são muitas, mas por ano há cerca de 50 pessoas que querem tudo o que é seu, mesmo depois de mortos. E assim é, levam tudo a que têm direito. É uma espécie de "é meu, meu, e só meu". 

Respeito, mas não percebo. A menos que acreditem com todas as forças que vão desta para melhor e que lá do outro lado, a coisa é tão boa que têm de levar as peças todas, não me faz qualquer sentido esta ideia de querer ir inteirinho.

Cá por mim, os meus orgãos são meus enquanto estiver por aqui. São meus, e só meus. Preciso deles todos e de preferência, todos a funcionar. Preciso deles enquanto a cabeça pensar, o cérebro funcionar e o coração bater. Depois, depois não me fazem falta nenhuma. Depois, podem fazer o que quiserem com eles. Aproveitem o que há para aproveitar e percam pouco tempo e gastem pouco dinheiro com o resto. 

Depois, se já acabou para mim, que pelo menos possa continuar para alguém. E entre ter um coração, uns rins ou outra peça qualquer a desfazer debaixo da terra ou transformada em cinza num forno prefiro, honestamente, pensar que uma parte fica cá a dar continuidade à vida. 

 

Se Eu Mandasse Nisto....

.....Desta vez, mandava que fosse assim mesmo. Respeito, mas não entendo.

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D