Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Se eu mandasse nisto

Se o mundo anda ao contrário, se as pessoas andam com as ideias trocadas, se as prioridades andam invertidas, se os deuses andam loucos, haja alguém para mandar nisto, por favor.

Se o mundo anda ao contrário, se as pessoas andam com as ideias trocadas, se as prioridades andam invertidas, se os deuses andam loucos, haja alguém para mandar nisto, por favor.

Se eu mandasse nisto

11
Jan18

Mãos à obra que é como quem diz, à limpeza dos terrenos

Eu

A notícia só peca por tardia. Não era para ser feito agora, este ano. Era para já ter sido feito há muitos anos.

O governo deu o prazo de 15 de Março aos proprietários para limparem os terrenos de materiais combustíveis e, caso estes não cumpram, deu o prazo de 31 de Maio às câmaras municipais para que façam elas o trabalho. Aleluia!

O presidente da Associação Nacional de Autarcas Socialistas já veio reclamar e dizer que a lei aprovada é impossível de cumprir. Que o tempo não chega. Que há muito para fazer e só a burocracia da coisa faz gastar o limite do tempo. Que não se pode fazer em dois meses o que não foi feito em 40 anos. 

Posso concordar com ele. É pouco tempo para fazer tudo aquilo que já devia ter sido feito há muito tempo, mas apetece-me perguntar "Porque é que não foi feito?".Havia lei para isso.

Há muito tempo que os proprietários eram obrigados a limpar. Porque é que não limparam? Porque é que ninguém atuou quando devia ter atuado? Porque é que, nessa altura, as câmaras municipais não fizeram o que deviam, e podiam ter feito? Porque é que deixaram andar? Porque é que não trataram, as câmaras municipais de criar corredores de segurança nos pinhais e matas do estado? Porque, alguém "deixou para amanhã o que podia ter feito hoje". 

Agora queixam-se que não há tempo? Pois claro que não há. Mas agora, azar! Agora vão ter de dar o litro e vão ter de fazer o melhor que conseguem, e vão ter de pagar (espero eu) as consequências por não estar feito. Porque isto era trabalho que já devia ter sido começado, e concluído há muito tempo. Porque a maioria dos problemas a que se assiste neste país eram escusados, se as pessoas vissem e não fingissem não ver. Se soubessem e não fingissem não saber. 

É hora de arregaçar as mangas e deitar mãos à obra. De limpar terrenos. De criar corredores de segurança (corta-fogo). De limpar e criar acessos. E é hora de fazer cumprir o que há muito está estipulado. 

 

Se Eu Mandasse Nisto...

...desta não passava. Ou cumpriam ou pagavam. 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D